Brasil tem primeiro dia de vitória e derrota no basquetebol em cadeira de rodas

Publicado em: 08/09/2016     Imprimir artigo

fvnxyaj1O basquetebol em cadeira de rodas fechou seu primeiro dia de participação nos Jogos Rio 2016 com uma vitória e uma derrota. Enquanto a seleção feminina massacrou a Argentina, o time masculino não resistiu à força dos Estados Unidos e estreou com um resultado negativo.

Na Arena Carioca 1, a seleção feminina do Brasil não tomou conhecimento da Argentina e venceu por 85 a 19. A maior pontuação das argentinas em um quarto foram seis pontos no último período. A cestinha da partida foi Vileide Almeida, a Vivi, com 31 pontos. Lia Martins marcou 12 e Perla Assunção anotou 11.

“A torcida foi essencial. Ela ajudou dentro e fora de quadra. Na hora do Hino Nacional a emoção tomou conta. Nós não tínhamos dúvidas de que a torcida viria e que teríamos esse apoio”, comentou Vivi.

Jogando na Arena Olímpica do Rio, a seleção masculina não começou tão bem. Diante dos Estados Unidos, donos de sete ouros nos Jogos, o time da casa foi superado por 75 a 38. Marcos Candido foi o cestinha brasileiro, com 12 pontos, seguido por Leandro de Miranda, que marcou oito. Os americanos Joshua Turek e Brian Bell marcaram quinze cada.

Nesta sexta (9), a seleção feminina busca sua segunda vitória nos Jogos diante da Alemanha, às 15h15. Mais tarde, às 21h, o time masculino tenta a reabilitação diante da Argélia. As duas partidas acontecem na Arena Olímpica do Rio.

Confira o calendário do basquetebol em cadeira de rodas

Por Rio2016

CompartilharShare on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *








© 2016 Instituto Vegas de Pesquisa de Opinião Pública EIRELI. Todos os direitos reservados.